Please use this identifier to cite or link to this item: http://localhost:8080/handle/123456789/525
Title: Análise do uso da curva de retenção de água no solo determinada pordiferentes métodos em planilha de manejo de irrigação.
Authors: Nascimento, Patrícia dos Santos
Abstract: A região do Submédio São Francisco destaca-se no mercado nacional e internacional como pólo produtor e exportador de uvas de mesa de alta qualidade. Assim, esta pesquisa foi realizada com o objetivo de comparar diferentes métodos para a determinação da curva de retenção de água no solo e desenvolver, testar e validar uma planilha de auxilio à tomada de decisões quanto ao manejo de irrigação em um sistema de produção de uva de mesa. O experimento foi conduzido num pomar de videira cultivar Crimson Seedless, localizado no município de Petrolina-PE, onde foram coletadas amostras de solo para a determinação da curva de retenção de água no solo pelos métodos Arya & Paris, Richards e centrifuga. O conhecimento das características de retenção de água do solo associada às leituras tensiométricas realizadas na área experimental foram utilizadas para a determinação do potencial matricial, umidade do solo, água disponível no solo, umidade de reposição, lâmina bruta e tempo de irrigação pela planilha e assim auxiliar o produtor na tomada de decisão quanto ao manejo de irrigação. A comparação entre as curvas de retenção obtida pelas diferentes metodologias revelou uma maior proximidade no comportamento das curvas para valores de tensão superiores a 0,1 MPa. O uso da planilha resultou em uma menor lâmina bruta de irrigação, e, conseqüentemente, em um menor tempo de irrigação, quando comparado ao uso de dados referentes à evapotranspiração da cultura para o manejo de irrigação. Sugere-se o uso combinado da planilha e dos dados agrometeorológicos para a aplicação de água de irrigação no sistema de produção de uva de mesa avaliado.
The region of Lower-middle São Francisco has been nationally and internationally known as growing and exporter area of high quality table grapes. Hence, this research has the objective to compare different methods for determining the soil water retention curve and develop, test and validate a spreadsheet to help decision-making in irrigation scheduling of a table grape croping system. The experiment was carried out in an orchard of grapevines cv. Crimson Seedless, in Petrolina, State of Pernambuco, Brazil. Soil samples were collected for the determination of soil water retention curve by the Arya & Paris, Richards (pressure membrane apparatus) and centrifuge methods. Knowledge of soil water retention characteristics together in situ tensiometer readings were used to determining soil water matric potential, soil moisture, soil water availability; gross irrigation depth and irrigation time by the spreadsheet, and to help the decision-making by growers on irrigation scheduling. The comparison among the retention curves obtained by different methods showed a closer behavior for values greater than 0,1 MPa. The use of spreadsheet resulted in a lower gross irrigation depth and consequently lower irrigation time when compared to the use of crop evapotranspiration to irrigation scheduling, what suggest the combined use of the spreadsheet with agrometeorological data to schedule the water application in this table grape cropping system. Key
Keywords: Irrigação
Irrigação – curvas de retenção
Curvas de retenção - uva
Uva – irrigação – semi-árido
URI: http://hdl.handle.net/123456789/525
Issue Date: 6-Sep-2013
Appears in Collections:CCAAB - Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Patricia dos Santos Nascimento2009.pdf2,02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.