Please use this identifier to cite or link to this item: http://localhost:8080/handle/prefix/1051
metadata.dc.type: Tese
Title: Arquitetura radicular e relações hídricas de plantas cítricas
Other Titles: Root architecture and water relations of citrus plants
metadata.dc.creator: Meneses, Thaís Nascimento
metadata.dc.contributor.advisor1: Coelho Filho, Maurício Antônio
metadata.dc.contributor.referee1: Coelho Filho, Maurício Antônio
metadata.dc.contributor.referee2: Souza, Luciano da Silva
metadata.dc.contributor.referee3: Gesteira, Abelmon da Silva
metadata.dc.contributor.referee4: Souza, Laercio Duarte
metadata.dc.contributor.referee5: Viegas, Pedro Roberto Almeida
metadata.dc.description.resumo: A arquitetura radicular afeta o crescimento da planta e a sua produção agrícola. Embora esteja relacionada a fatores genéticos, limitações hídricas e físicas do solo, podem reduzir o volume do raizame e do solo explorado, comprometendo assim, o desenvolvimento vegetal e produtivo. Com objetivo de avaliar a arquitetura radicular e as relações hídricas de plantas cítricas quanto à tolerância a seca e a impedimentos físicos no solo, experimentos foram conduzidos em campo e em casa de vegetação, com o uso de práticas de manejo que incluíram a semeadura direta do porta-enxerto no local definitivo do pomar, a subsolagem, a diversificação de porta-enxertos, e a criação de macroporos artificiais, que visam minimizar essas limitações físico-hídricas. As plantas foram submetidas ao secamento continuo do solo compactado em colunas estratificadas de policloreto de vinila (PVC), sob condições controladas, e ao cultivo de sequeiro, em condições de campo, em solos coesos dos Tabuleiros Costeiros. Foram avaliados o crescimento da parte áerea, a arquitetura radicular e as relações hídricas a partir de medidas de umidade do solo e medidas fisiológicas. Em condição de campo, também foi avaliada a produção inicial de frutos. Os resultados dos estudos em campo (Capítulos I e II) confirmam que, independente das práticas de manejo adotadas, a distribuição do sistema radicular é caracterizada pela superficialização imposta pelos horizontes coesos, com concentração nos primeiros 0,40 m de profundidade, sobre a projeção da copa, sendo as respostas iniciais similares às de longo prazo. Dentre as práticas de manejo adotadas, para as condições de estudo, o plantio de muda protegida (PM), produzida em viveiro telado, e o porta-enxerto limoeiro ‘Cravo’ (LC) foram mais eficazes na extração de água do solo, associada ao maior vigor de raiz e da parte aérea, sendo também atribuído a esse porta-enxerto a maior produção inicial de frutos. A umidade nos primeiros 0,40 m do solo, juntamente com as raízes superiores, deve ser o melhor indicador para o vigor, a produtividade e o status hídrico da planta cultivada em condições de sequeiro. A estrutura do solo é preponderante para o desenvolvimento radicular, e o uso de macroporos artificiais (Capítulo III) servem como caminho de menor resistência para o crescimento radicular do limoeiro 'Cravo Santa Cruz' em colunas de solo compactadas, no entanto, seu número e distribuição não influenciaram o crescimento da parte áerea e o volume de raiz, provavelmente devido a exploração do solo na camada superior, na condição controle.
Abstract: were conducted in the field and in greenhouse, using management practices, which included direct seeding of the rootstock at the final site of the orchard, subsoiling, the diversification of rootstocks, and the most recent, the creation of artificial macropores, aiming to minimize these physical-water limitations. The plants were submitted to the continuous drying of the compacted soil in polyvinyl chloride (PVC) laminated columns under controlled conditions, and to the rainfed cultivation, under field conditions, in cohesive soils of Coastal Trails. The growth of the area, the root architecture and the water relations were evaluated through measurements of soil moisture and physiological measurements. In the field condition, the initial production of fruits was also evaluated. The results of the field studies (Chapter I and II) confirm that, independent of the management practices adopted, the root system distribution is characterized by the superficiality, imposed by the cohesive horizons, with a concentration of the first 0.40 m depth, on the projection of the crown, the initial responses being similar to those of the long term. Among the management practices adopted, planting of protected seedlings (PM) grown in a screened nursery, and 'Cravo' lime rootstock (LC), were more effective in the extraction of water from the soil to the greater root vigor and aerial part, being also attributed to this rootstock the greater initial production of fruits. Moisture in the first 0.40 m of the soil along with the upper roots should be the best indicator for vigor, productivity and water status of the plant, grown under rainfed conditions. The soil structure is preponderant for root development, and the use of artificial macropores (Chapter III) serve as channels of lower resistance for the root growth of 'Cravo Santa Cruz' lime in compacted soil columns, however their number and distribution did not influence the growth of the area and root volume, probably due to the exploitation of the soil in the upper layer, in the control condition.
Keywords: Plantas Cítricas
Física do Solo
Citricultura
Solos Coesos
Arquitetura Radicular
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
metadata.dc.publisher.initials: UFRB
metadata.dc.publisher.department: Departamento 1
metadata.dc.publisher.program: PPG1
Citation: MENESES, Thaís Nascimento. Arquitetura radicular e relações hídricas de plantas cítricas. 2019. 92 f. Tese (Doutorado) - Curso de Doutorado em Engenharia Agrícola, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - Ufrb, Cruz das Almas, 2019.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://localhost:8080/handle/prefix/1051
Issue Date: 26-Feb-2019
Appears in Collections:CCAAB - Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola (Teses)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Arquitetura radicular e relações hídricas de plantas cítricas.pdf2,82 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.